sábado, 2 de julho de 2011

Palavras que não cicatrizam...


Há palavras que não cicatrizam em nós, 
há sempre um corte aberto, porém quieto, 
certo que em algum momento voltará a sangrar.


Como pedras lançadas ao rio de beleza fascinante envolta no poder lacerante de sua chegada.
Como lança afiada de dois gumes não há como se escapar.
São como folhas secas ao vento, não se conhece o percurso nem a condição de sua estrada.
Palavras são armas poderosas que ferem a alma se proferidas de forma errada. Como bumerangues elas vem e vão, (por vezes demoram a voltar) provocam feridas, deixando marcas, reacendendo sentimentos.
Tudo é incerto, renovado, cíclico, é um devir constante de acontecimentos e precisa-se pensar bem antes de proferir armas ao vento. 
 
(Fonte: Google, 2010)
Que todos os ouvidos cerrem-se a ti
arma enganosa, capciosa.
Vociferas brados lentamente fatais
corta-me as asas
feridas concisas, profundas
quisera-me por ti jamais ludibriar-me.

Entre nascer e pôr do sol
suas lembranças esvaírem-se
como fumaça ao céu,
mas suas marcas se fazem intactas
em uma latência inerente
que clama por calma
ao pesar de tão ardentes palavras
que nunca irão cicatrizar.

(Samyra Almeida)

12 comentários:

  1. lindo texto sam!! bjs no seu coraçao!!

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo lindo texto Princesa Samyra!
    Suas palavras e seu Blog, são encantadores como você.
    Fique com meu carinho de sempre.
    BeiJanes neste belo e admirável coração.
    Jane Di Lello

    ResponderEliminar
  3. Perfeito o texto, super profundo, parabéns linda, beijão

    ResponderEliminar
  4. Um verdadeiro baú de joias vindas do seu coração para o nosso!!

    Beijos do Mynno

    ResponderEliminar
  5. Samyra Rainha tirou do baú de recordações malévolas este lindo poema. Escrever faz bem, põe pra fora o que nos machuca. Parabéns! Beijos.

    ResponderEliminar
  6. Uauuuuuuuuu isso é lindo demais. Voc~e é uma grande escritora . Amei. Quero colocar no meu blog isso. Beijos amor.

    ResponderEliminar
  7. Minha avó já dizia: Para se construir, demora meses, anos e para destruir, minutos, segundos. Para convencer, um texto, para perder a sua confiança meia palavra basta !
    Palavras são sim armas perigosas, que mal utilizadas, causam dor.

    Lindo texto, parabéns ^^

    @_lucasluiz_

    ResponderEliminar
  8. Querida Samyra,

    Lindo poema!

    A palavra uma vez dita não nos pertence mais ela ganha o mundo, por isto tem que pensar muito bem antes de causar dor ou revolta no coração de alguém.

    Beijos

    ResponderEliminar
  9. Ótimo texto Samyra. Eu já disse isso uma vez, e repito você tem muito talento para escrever. Seus textos são sempre maravilhosos. Gostei bastante... parabéns!

    Beijo linda.

    ResponderEliminar
  10. é sim amiga palavras
    tem poder tanto de destruir
    como de salvar....
    linda semana
    bjão

    ResponderEliminar
  11. Minha linda....

    Pode demorar, mas no fundo, as palavras acabam cicatrizando para o nosso bem!

    Lindo seu texto!!

    Beijo carinhoso!

    ResponderEliminar