terça-feira, 17 de maio de 2011

Soneto de fidelidade...

Um dos meus sonetos preferidos
‘SONETO DE FIDELIDADE’
''De tudo  meu amor serei atento antes, 
e com tal zelo, e SEMPRE,  e  tanto
que mesmo em face do meu maior encanto 
dele se encanta mais meu pensamento.

<<>>

Quero vivê-lo em cada vão momento 
e em seu louvor hei de espalhar meu canto
e rir meu RISO  e derramar meu pranto 
ao seu pesar  o seu  contentamento.

<<>>

E assim quando mais tarde me procure, 
quem sabe a morte ? angústia de quem vive
quem sabe a  solidão? fim de quem ama. 
Eu possa me dizer do AMOR  (que tive): 
que não seja imortal posto que é chama,
mais que seja INFINITO enquanto DURE.''

(Vinicius de Moraes)

8 comentários:

  1. Lindo amiga, tbém sou apaixonada por esse soneto.

    Bjim =)

    ResponderEliminar
  2. Esse poema é maravilhoso, um dos meus prediletos também!

    Lindo!

    Beijos, querida!

    ResponderEliminar
  3. Esse também é o meu preferido, apesar de amar todos do poetinha. Um beijo!!

    ResponderEliminar
  4. hey estou seguindo aqui.. bejin

    visita o meu quando puder ^^

    ResponderEliminar
  5. ...Eu possa me dizer do AMOR (que tive):
    que não seja imortal posto que é chama,
    mais que seja INFINITO enquanto DURE...
    lindo soneto!! =]

    ResponderEliminar
  6. Sempre//Riso//Amor//Infinito//Dure

    #assaltopoético perfeito!

    ResponderEliminar